Diálogos da Terra Recuperando dados: Soberania da mulher sobre dados fundiários | Land Portal
Contact details: 
Stacey Zammit (stacey.zammit@landportal.info)
Organizers: 
TR Foundation.jpg

The Thomson Reuters Foundation was created to advance and promote the highest standards in journalism worldwide through media training and humanitarian reporting.

For over three decades, we have been informing, connecting and empowering people around the world through our free programmes and services.

We support our work through a combination of core annual donation from Thomson Reuters , other donations and sponsorships, through external funding from other organisations as well as grants specifically dedicated to supporting our core programmes.

The Tenure Facility

The International Land and Forest Tenure Facility is focused on securing land and forest rights for Indigenous Peoples and local communities. We are the first financial mechanism to exclusively fund projects working towards this goal while reducing conflict, driving development, improving global human rights, and mitigating the impacts of climate change.

Language of the event: 
English
Portuguese
Spanish
French

Quinta-feira, 30 de março, 2023

14:00-3:00 HS CET
Registre-se agora 

O tema para o Dia Internacional da Mulher deste ano é "DigitALL: Inovação e tecnologia para a igualdade de gênero".  O objetivo do dia é celebrar as mulheres e meninas que defendem o avanço de tecnologias transformadoras e a educação digital.Os dados e a tecnologia são uma forma de poder, mas dependendo de seu uso, podem ampliar a igualdade ou exacerbar estruturas de poder desiguais. Os Povos Indígenas e as Comunidades Locais têm necessidade de agência e controle sobre os dados que lhes dizem respeito, neste caso, particularmente no tocante aos seus dados fundiários.  Uma camada extra de matizes e complexidade deve ser contabilizada quando consideramos as necessidades particulares das mulheres indígenas quando se trata de seus dados fundiários.  

Nesta discussão, também exploraremos a lacuna de dados sobre os direitos das mulheres indígenas à terra, bem como sua falta de envolvimento no campo da ciência de dados, mais particularmente nos dados que dizem respeito a elas e em torno da posse de suas terras.  O objetivo é entender se o modelo atual de ciência de dados inclui e reflete as realidades das mulheres indígenas e seus direitos fundiários e entender melhor como elas podem retomar o controle sobre os dados que dizem respeito aos seus direitos à terra.  

Mais especificamente, faremos perguntas como, por exemplo:

  • Discutir sobre o que pode ser feito para incluir as mulheres indígenas no ciclo de dados de maneiras que respeitem e honrem seus direitos.
  • Os aspectos práticos das comunidades indígenas que retomam seus dados relativos à terra. Que medidas devem ser tomadas para que isso aconteça e como as mulheres podem desempenhar um papel-chave.

  • Como podem ser coletados dados relacionados à terra em termos de valores culturais, dos quais as mulheres estão frequentemente no centro.

  • Como os Povos Indígenas podem participar e ser habilitados na governança dos dados cadastrais.

Um dos principais objetivos da série Diálogos da Terra é destacar o conhecimento e a sabedoria indígenas como uma solução para os desafios globais urgentes.  A série o faz criando um espaço virtual que faz a ponte entre essa lacuna, onde o termo "especialista" não se limita a acadêmicos(as) ou pesquisadores(as), em um esforço para descolonizar e democratizar o conhecimento.  Este webinário de abertura da série Diálogos sobre a Terra 2023 esclarecerá, mais especificamente, sobre os diferenciais de poder que existem quando se trata de dados. Convidamos você a juntar-se a nós nesta discussão!

Related content: 
Blog post
Maroc
Mexique
Global

When Fatima Zahrae Taribi, a 20-year-old Moroccan climate justice advocate, met Luz Edith Morales Jimenez, a young land defender from Michoacán, Mexico, she wondered how they could communicate. Zahrae speaks French, Arabic, and English, and Morales speaks Spanish and Purépecha, an Indigenous language from her region. Yet, when they met in a climate camp in Tunisia ahead of the international climate conference COP27, the UN's annual international environmental conference, they understood each other without needing words.

News
Koh Kong officials check zoning with the activist group Khmer Thavarak
17 février 2023

A hazy Cambodian government land zoning and titling initiative known as Sub-Decree 30 has made life problemativ for indigenous community

Partagez cette page