| Land Portal | Protegendo os direitos da terra através de dados abertos

Pessoas indígenas

Synonyms: 
indigenous communities
indigenous community
Exibindo 1 - 10 de 570
Capa1
Artigos e Livros
Março 2019
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
O presente trabalho pretende refletir sobre territórios e especificidades de mulheres indígenas na Amazônia brasileira, mais especificamente do Estado do Acre, com suas lutas encampadas pela defesa dos territórios ancestrais, bem como o estabelecimento de relações com o movimento indígena.
Land Governance in Post-Conflict Settings: Interrogating Decision-Making by International Actors cover image
Publicação revisada por pares
Fevereiro 2019
Burúndi
República Democrática do Congo

Humanitarian and development organizations working in conflict-affected settings have a particular responsibility to do no harm and contribute to the wellbeing of the population without bias.

 Indigenous Land Titling Guide
Recursos e Ferramentas de Treinamento
Janeiro 2019
América do Sul

Ensuring the collective survival of indigenous peoples requires guaranteeing their rights and access to traditional lands. In Colombia, indigenous peoples’ struggle for ancestral land rights has been ongoing for more than four centuries, marked by collective mobilization and pressure before official entities.

Revista Territorio e Fronteiras
Artigos e Livros
Dezembro 2018
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil

Neste trabalho, abordam-se narrativas orais de moradores da Vila de Umarizal, município de Baião banhado pelo Rio Tocantins, e de moradores da Vila de Santa Isabel, no baixo Araguaia, município de Palestina do Pará.

Revista Territorio e Fronteiras
Artigos e Livros
Dezembro 2018
América do Sul
Brasil

Este    texto    analisa    projetos governamentais   de   colonização   em   dois momentos    distintos,    mas    que    usaram estratégias semelhantes: final do século XIX na  região  Bragantina  do  Pará  e  década  de 1970,     acompanhando     a     abertura     da Transamazônica.   A   abordagem   recai   na construção   dos   discursos   sobre   a   região amazônica  como  um  vazio  de

DMA
Artigos e Livros
Novembro 2018
América do Sul
Brasil

As reservas extrativistas, um dos legados do movimento organizado dos seringueiros do qual Chico Mendes foi um dos grandes protagonistas, foram idealizadas como proposta de desenvolvimento para Amazônia e para os povos da floresta, alternativa ao modelo estatal hegemônico, de características ambientalmente predatórias e socialmente excludentes.

Attacks and criminalization of Indigenous Peoples defending their lands and rights
Relatórios e Pesquisa
Agosto 2018
Global

The Secretariat has the honour to present to the Human Rights Council the report of the Special Rapporteur on the rights of indigenous peoples, prepared pursuant to Council resolution 33/12.

Documentos e relatórios de conferência
Julho 2018
Global

Land sector challenges are vast and complex. Insecure rights to land continues to affect more than 2 billion people living in urban and rural informality worldwide, with women, youth and indigenous people faring the worst. We need more strategic partnerships, at all levels, that drive innovative thinking and provide practical solutions to these tenure security challenges.

Blogues

Eventos

Debates

Organizações

A Articulação dos Povos Indígenas do Brasil – APIB é uma instância de aglutinação e referência nacional do movimento indígena no Brasil, que nasceu com o propósito de:

– fortalecer a união dos povos indígenas, a articulação entre as diferentes regiões e organizações indígenas do país;
– unificar as lutas dos povos indígenas, a pauta de reivindicações e demandas e a política do movimento indígena;
– mobilizar os povos e organizações indígenas do país contra as ameaças e agressões aos direitos indígenas.

The Asia Indigenous Peoples Pact (AIPP) is a regional organization founded in 1988 by indigenous peoples' movements. AIPP is committed to the cause of promoting and defending indigenous peoples' rights and human rights and articulating issues of relevance to indigenous peoples. At present, AIPP has 47 members from 14 countries in Asia with 14 National Formations, 15 Sub-national Formations and 18 Local Formations. Of this number, 6 are Indigenous Women's Organizations and 4 are Indigenous Youth Organizations.

Both Ends

Together with environmental justice and human rights groups from poor and developing countries, Both ENDS works towards a sustainable, fair and inclusive world.

The vision of Both ENDS is a world where long-term environmental sustainability and social equity take priority over short-term profits.

Martinus Nijhoff Publishers was an independent academic publishing company dating back to the nineteenth century, which is now an imprint of Brill Publishers. Founded in 1683, Brill is a publishing house with a rich history and a strong international focus. The name was changed to Brill–Nijhoff. Brill is a prestigious imprint with its portfolio focuses on areas in Public International Law, Human Rights, Humanitarian Law and increasingly on International Relations. Brill publishes over 800 books per year in both print and electronic format.

Mission et Objectifs

Le CED s’est donné pour mission de contribuer à la protection des droits, des intérêts, de la culture et les aspirations des communautés locales et autochtones des forêts d’Afrique Centrale, par la promotion de la justice environnementale et de la gestion durable des ressources naturelles dans la région.

Nos objectifs sont les suivants:

A organização não-governamental Comissão Pró-Índio de São Paulo foi fundada em 1978 por um grupo de antropólogos, advogados, médicos, jornalistas e estudantes para defender os direitos dos povos indígenas frente às crescentes ameaças do regime ditatorial vigente naquela época.

Nos seus 30 anos de existência, Comissão Pró-Índio de São Paulo tem atuado junto com índios e quilombolas para garantir seus direitos territoriais, culturais e políticos, procurando contribuir com o fortalecimento da democracia e o reconhecimento dos direitos das minorias étnicas.

CODECA logo
El Comité de Desarrollo Campesino CODECA- es una organización de campesinos y campesinas indígenas. Surge en 1992 a raíz de la necesidad de vivir dignamente y cultivar la tierra, lo cual es negado por las malas condiciones laborales en el campo. Del total de familias miembros de CODECA, el 95% son familias campesinas sin tierras que trabajan como jornaleros en las fincas ó emigran en busca de trabajo en diferentes lugares.
logo CIMI

O Cimi é um organismo vinculado à CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) que, em sua atuação missionária, conferiu um novo sentido ao trabalho da igreja católica junto aos povos indígenas.

Criado em 1972, quando o Estado brasileiro assumia abertamente a integração dos povos indígenas à sociedade majoritária como única perspectiva, o Cimi procurou favorecer a articulação entre aldeias e povos, promovendo as grandes assembléias indígenas, onde se desenharam os primeiros contornos da luta pela garantia do direito à diversidade cultural.

ECDO’s mission is to assist indigenous communities in working for a positive and sustainable change for those deprived of rights and opportunities by implementing both service delivery and rights based approaches. ECDO implements its activities in a fully participatory and bottom-up approach with an emphasis on empowerment from within indigenous communities.

Our vision

FAO logo

FAO Regional Office for Latin America and the Caribbean (FAO Latin America & the Caribbean)

Latin America and the Caribbean was the first region to commit to the complete eradication of hunger through the 2025 Hunger-Free Latin America and the Caribbean Initiative. This renewed political commitment is based on the full conviction that eradicating hunger in the Region is an achievable target.

Latin America and the Caribbean is at the forefront of the global fight against hunger. It is the Region that has made the most progress in reducing the percentage and total number of people suffering from hunger in the past 20 years.

A Fundação Nacional do Índio – FUNAI é o órgão indigenista oficial do Estado brasileiro. Criada por meio da Lei nº 5.371, de 5 de dezembro de 1967, vinculada ao Ministério da Justiça, é a coordenadora e principal executora da política indigenista do Governo Federal. Sua missão institucional é proteger e promover os direitos dos povos indígenas no Brasil.

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, Incra, é uma autarquia federal cuja missão prioritária é executar a reforma agrária e realizar o ordenamento fundiário nacional.

Criado pelo Decreto nº 1.110, de 9 de julho de 1970, atualmente o Incra está implantado em todo o território nacional por meio de 30 superintendências regionais.

Missão do Incra:
Implementar a política de reforma agrária e realizar o ordenamento fundiário nacional, 
contribuindo para o desenvolvimento rural sustentável.

Compartilhe esta página