Land & Corruption | Land Portal
Rainforest Action Network image

Corruption in land governance is commonly defined as the abuse of entrusted power for private gain while carrying out the functions of land administration and land management. When land investors target countries with weak governance, the risk of corruption is high. Likewise, corruption is more likely to occur when local elites are able to manipulate their country’s land governance systems for their own benefit. 

Learn more about common challenges concerning Land & Corruption

Últimas notícias

FOTO: CARL DE SOUZA / AFP
2 Setembro 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
TI Trincheira-Bacajá, no Pará, é seguida pelas terras Kayapó e Munkuruku em destruição, diz organização. Covid-19 é tragédia à parte

 

Foto: Tommaso Protti/30-4-2019
9 Junho 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil

Segundo levantamento da Câmara de Populações Indígenas e Comunidade Tradicionais do Ministério Público Federal, há 9.901 propriedades inscritas no Cadastro Ambiental Rural sobrepostas a terras indígenas em diferentes fases de regularização ou a áreas com restrição de uso.

A. Domingos
4 Junho 2020
África
África subsariana
Angola
A 10ª Secção da Sala de Crimes Comuns do Tribunal Provincial de Luanda, em Viana, começou a julgar na quarta-feira, 3, 10 camponeses detidos há mais de um ano, numa disputa de terras que já levou ao afastamento de dois destacados funcionários estatais naquele município.
 

Blogues

Debates

Eventos

Biblioteca

Organizações

Anuario Antropologico

Anuário Antropológico (Anuário Antropológico)

Anuário Antropológico é uma revista semestral do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade de Brasília (PPGAS/UnB). Publica artigos originais, ensaios bibliográficos, resenhas, críticas e outros textos de natureza acadêmica que apresentem pesquisas empíricas de qualidade, diálogos teóricos relevantes e perspectivas analíticas diversas. A Revista publica textos em português, inglês, espanhol ou francês.Os artigos selecionados pela comissão editorial são submetidos a pareceristas externos em regime de anonimato.

Bertelsmann Stiftung

The Bertelsmann Stiftung is committed to ensuring everyone can participate in society. Since the foundation was established in 1977, roughly 380 employees at our Gütersloh headquarters and other international locations have developed a wide range of projects and initiatives designed to achieve this goal.

csu

Ciências Sociais Unisinos é uma publicação quadrimestral da Universidade do Vale do Rio dos Sinos – Unisinos e dedica-se a publicar artigos inéditos que contribuam para a reflexão e o estudo interdisciplinar das Ciências Sociais.

 

CurbingCorruption.com is a new website providing practical help for public officials and politicians planning anti-corruption reforms.

We provide you with two tools

A practical five-step approach – summarised in the left side bar – helps you develop your own anti-corruption initiative, large or small.  The Steps can be accessed at any time from the top navigation bar.

The Democratic Governance Facility (DGF) is a multi-donor facility established by eight development partners under an agreement with the GoU: Austria, Denmark, Ireland, the United Kingdom, Netherlands, Norway, Sweden and the European Union. As development partners, the DGF shares a vision with the government and the people of Uganda of maintaining a corrupt-free Uganda. Therefore, DGF is committed to contributing to the fight against corruption by supporting CSOs and several state institutions whose mandate is to fight corruption.

UFS

Editora UFS (Editora UFS)

A Editora UFS, composta pelo Conselho Editorial e pela Coordenação Gráfica, tem como missão atuar na divulgação da produção cultural e científica tanto da comunidade universitária quanto da sociedade como um todo. Através do lançamento periódico de editais e da publicação de obras avulsas, esta Editora tem realizado um trabalho de divulgação de obras científicas e culturais produzidas por autores sergipanos e do restante do Brasil.
 
Estudos Avançados

Estudos Avançados (Estudos Avançados)

A revista Estudos Avançados é uma publicação  quadrimestral do Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo (IEA-USP). Seu site na internet é www.iea.usp.br/revista

Criada em dezembro de 1987, Estudos Avançados já consolidou sua posição como uma das principais revistas interdisciplinares brasileiras.

etnografica

Etnografica (Etnografica)

Publicada em Portugal, a Etnográfica é uma revista quadrimestral de antropologia social e cultural. Publica artigos originais em português, inglês, espanhol e francês. Abordando uma grande diversidade de contextos etnográficos, privilegia a qualidade da pesquisa empírica, a diversidade de perspectivas analíticas e a inovação teórica. Os artigos são selecionados pela comissão editorial com base num sistema de arbitragem por pares em regime de anonimato.

Imazon

Imazon (Imazon)

No final dos anos 1980, as imagens de destruição da Amazônia começavam a ganhar destaque na imprensa nacional e mundial. O desmatamento acelerado, as queimadas, a exploração predatória de madeira e a proliferação dos garimpos de ouro exerciam grande pressão ambiental e social sobre a região. Nessa época, o ecólogo norte-americano Christopher Uhl, então pesquisador visitante da Embrapa, realizava pesquisas sobre as áreas degradadas no leste do Pará e preocupava-se com o pouco entendimento e a escassa documentação dessas transformações na paisagem Amazônica.
ISA
O Instituto Socioambiental (ISA) é uma organização da sociedade civil brasileira, sem fins lucrativos, fundada em 1994, para propor soluções de forma integrada a questões sociais e ambientais com foco central na defesa de bens e direitos sociais, coletivos e difusos relativos ao meio ambiente, ao patrimônio cultural, aos direitos humanos e dos povos.
 

To achieve our Goal, we are campaigning for an unprecedented mobilization of Indigenous Peoples and local communities, governments, intergovernmental organizations, corporate and other private sector actors, civil society, social movements, and citizens from all over the world. To realise the change we want, we ask that by 2020…

Compartilhe esta página