Acesso à terra | Land Portal | Protegendo os direitos da terra através de dados abertos

Últimas notícias

Exibindo 1 - 3 de 3
Fonte: Banco Mundial
7 Outubro 2019
Global

O Banco Mundial tem o prazer de convidar para submissões de resumos para a 21ª Conferência Anual sobre Terra e Pobreza, que será realizada de 16 a 20 de março de 2020 em Washington, DC, EUA, na sede do Banco Mundial.

O tema da conferência é "Instituições para a equidade e resiliência"; a estrutura e temas prioritários podem ser encontrados no site da conferência.

Fonte: rsurgente
30 Janeiro 2019
Ásia
Timor-Leste

O Governo timorense aprovou hoje o decreto de regulação da nova Comissão de Terras e Propriedades, organismo responsável pela resolução de casos de disputas sobre bens imóveis, num processo considerado essencial para a economia nacional.

Baladi – Rooted Resistance
22 Dezembro 2018
Ásia
Israel
Palestina
Uma biblioteca sobre sementes crioulas para ajudar os agricultores a preservar a biodiversidade e a recuperar sua autonomia na produção de alimentos saudáveis. Um fazendeiro palestino que luta para praticar permacultura em uma área controlada por Israel, onde ele não pode comprar água.

Blogues

Exibindo 1 - 3 de 3

Eventos

Exibindo 1 - 3 de 3

Biblioteca

Exibindo 1 - 3 de 3

Organizações

AAKAR Books (AAKAR)

Established in 1991, AAKAR Books is a publishing company, started publishing quality scholarly books in Social Sciences in English and Hindi since 2001 and is now a niche for itself. Aakar Books is reputed for quality scholarly publishing in the field of Social Sciences.

SEKELEKANI é uma instituição moçambicana independente, sem fins lucrativos, de promoção de comunicação para o desenvolvimento, conceito que se refere a sistemas de comunicação em dois sentidos, orientados para enaltecer o diálogo entre os decisores de políticas públicas e as partes interessadas, nomeadamente as comunidades destinatárias do desenvolvimento, permitindo-lhes exprimir os seus pontos de vista, as suas aspirações e preocupações, participando, desse modo, na formulação da agenda do seu desenvolvimento.

A Confederação Nacional das Associações de Moradores, fundada no dia 17 de janeiro de 1982, presente no movimento nacional popular e comunitário, tem como seu papel organizar as federações estaduais, uniões municipais e associações comunitárias, entidades de bairro e similares.

La ENI en Nicaragua se constituye como una estrategia de acción a mediano plazo, impulsada e implementada por una plataforma de múltiples actores (institucionales) a nivel nacional, que busca contribuir a la gestión sostenible de la tierra en Nicaragua

Estudos Avançados

Estudos Avançados (Estudos Avançados)

A revista Estudos Avançados é uma publicação  quadrimestral do Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo (IEA-USP). Seu site na internet é www.iea.usp.br/revista

Criada em dezembro de 1987, Estudos Avançados já consolidou sua posição como uma das principais revistas interdisciplinares brasileiras.

El Foro Mundial sobre el Acceso a la Tierra y los Recursos Naturales (FMAT 2016) se ha desarrollado en Valencia, España, del 31 de marzo al 2 de abril, con el apoyo de más
de 1200 organizaciones campesinas y de la sociedad civil, instituciones nacionales, internacionales, expertos y profesionales de más de 70 países. Ha reunido a más de 400
personas, venidas de todos los continentes, que han compartido libremente su testimonio en los distintos debates establecidos.

A Fundação Nacional do Índio – FUNAI é o órgão indigenista oficial do Estado brasileiro. Criada por meio da Lei nº 5.371, de 5 de dezembro de 1967, vinculada ao Ministério da Justiça, é a coordenadora e principal executora da política indigenista do Governo Federal. Sua missão institucional é proteger e promover os direitos dos povos indígenas no Brasil.

Uma organização, não-governamental Moçambicana, sem fins lucrativos, com a missão de complementar os esforços do Governo de Moçambique na implementação da Lei de Terras no que concerne à proteção dos direitos das comunidades rurais sobre a terra e outros recursos naturais e a promoção do desenvolvimento económico, através de parcerias entre comunidades e os sectores público ou privado. 

O IESE é uma organização moçambicana independente e sem fins lucrativos, que realiza e promove investigação científica interdisciplinar sobre problemáticas do desenvolvimento social e económico em Moçambique e na África Austral.

Tematicamente, a actividade científica do IESE contribui para a análise da política pública e social e da governação, com enfoque nas problemáticas de pobreza, política e planeamento público, cidadania, participação política, governação e contexto internacional do desenvolvimento em Moçambique.

LRAN is the Land Research Action Network (LRAN), or Red de Investigación-Acción sobre la Tierra, which brings together activist researchers working on land and resource access issues, to network them with one another and with grassroots movements struggling for land and other productive resources. It’s members are committed, activist researchers, their organizations, and social movements fighting for access to land, for true agrarian reform, and for access to other productive resources.

A team of bachelors students from the 2016-2019 class of the European Law School Programme working with data collected by students from the 2017-2020 class of the European Law School Programme with the aim of creating a summary of the land laws for multiple countries.

 

The team consists of: Bert Brookfield-Hird, Alexandra Aldous, Lisa Beatrice Ferrari, Doris Beganović, Magda Jacyna and Ines Garreau.

Tradicionalmente el desarrollo rural remite a conceptos como pobreza, expulsión, insatisfacción de necesidades, marginamiento, desnutrición, inviabilidad, insostenibilidad, etc. Es preciso reconocer que esta lectura se ha convertido en un discurso reiterativo y rígido que funcionaliza al desarrollo rural a un tipo de política pública que subestima y relega la vida en el campo.

El Movimiento Regional por la Tierra y el Territorio nace en reacción a estos enfoques y prácticas, proponiendo una renovada mirada de lo rural.

Compartilhe esta página